menu_topo

Fale com o professor Lista geral do site Página inicial Envie a um amigo Autor
Queda Livre
(Usando um cano d'água)

Prof. Luiz Ferraz Netto
leobarretos@uol.com.br

 

Objetivo
Medida da aceleração no movimento de queda livre de um cilindro de ferro (cano d'água).

Montagem

Experiência com cano em queda livre

Procedimento
Uma caneta hidrográfica de ponta bem macia, fixa ao eixo de um pequeno motor elétrico(para 110VAC ou pilhas), deixa marcas numa folha de papel que envolve um cano de água em queda livre.
Determine inicialmente o número de revoluções por segundo que o eixo do motor, com a caneta, executa. Obtenha o intervalo de tempo de uma volta completa --- será o intervalo de tempo entre duas marcas consecutivas. 
Retire o papel do cilindro e proceda à analise cinemática do movimento (veja experimentos relativos na Sala de Dinâmica).

Qual a velocidade do cano quando a extremidade B estiver passando pela caneta? Qual o valor da aceleração escalar do movimento? O roçar da caneta afeta o movimento vertical do tubo?
Sua engenhosidade permitirá obter outras técnicas para marcar o papel no cano, no lugar da caneta: já pensou num pedacinho de barbante molhado em tinta? Ou numa pena de galinha que se entinta numa esponja em cada volta?

Insistimos que recorde a propriedade da progressão aritmética no MUV. Para o movimento em questão a razão é:

r = g.(Dt)2 

 


Copyright © Luiz Ferraz Netto - 2000-2011 ® - Web Máster: Todos os Direitos Reservados

Nova pagina 1