menu_topo

Fale com o professor Lista geral do site Página inicial Envie a um amigo Autor

Coeficiente de atrito estático I e II
(Recomendação especial)

Prof. Luiz Ferraz Netto
leobarretos@uol.com.br

Objetivo
Obtenção do coeficiente de atrito estático entre superfícies secas (lei de Morin).

Descrição
Tanto a montagem 39 como a 40 da Sala 05, permitem a obtenção do coeficiente de atrito estático (mest).

I)- Inclinado-se a plataforma (antes fixa na horizontal) pode-se determinar o ângulo q para o qual o movimento do sistema (m+M) é iminente.

Na iminência de deslizamento, a força de atrito de destaque (veja ilustração) equilibra a componente tangencial do peso:

Fat,destaque = Pt,tangencial

mest (m+M).g.cosq  =  (m+M).g.senq

mest = tgq

II)- Com o bloco A sobre o plano na horizontal (o massor B é dispensado), começamos a inclinar todo o conjunto, conforme ilustramos:

Pela medição do ângulo q , para o qual o movimento de A é iminente, obtém-se o coeficiente de atrito estático:

mest = tgq

Aproveite essas experimentações para responder perguntas do tipo:

a) Como se procede para determinar o coeficiente de atrito de areia sobre areia?

b) Por que as dunas de um determinado deserto têm todas a mesma inclinação?

c) O que é talude?

d) Por que é impossível obter-se uma superfície perfeitamente lisa?

 


Copyright © Luiz Ferraz Netto - 2000-2011 ® - Web Máster: Todos os Direitos Reservados

Nova pagina 1