menu_topo

Fale com o professor Lista geral do site Página inicial Envie a um amigo Autor

Auto-oscilações

Prof. Luiz Ferraz Netto
leobarretos@uol.com.br

Introdução
O pequeno bloco de ferro preso na extremidade inferior da mola pode ter sua amplitude de oscilação constante. Isso é possível, desde que se lhe aplique um impulso bem sincronizado, para compensar as perdas devidas aos atritos.

Montagem
O circuito elétrico série (reostato - lâmpada - lâmina - bloco - mola - suporte metálico - bobina) é fechado quando a lâmina toca o bloco. Com a passagem da corrente elétrica pela bobina, origina-se um campo magnético que se incumbirá de uma breve atração (impulso) no massa do bloco. Isso ocorrerá justamente na sua posição de inversão do sentido de movimento (velocidade nula).
Deve-se proceder aos devidos ajustes, tanto na altura da lâmina de bronze fosforoso como na intensidade da corrente elétrica (através do reostato).

Nota: Uma fonte de tensão AC/DC ajustável, como a que sugerimos na Sala 03, substituirá com vantagens o reostato e a lâmpada incandescente. Já percebeu que com devidos complementos esse é o 'coração' dos relógios eletromecânicos?

 


Copyright © Luiz Ferraz Netto - 2000-2011 ® - Web Máster: Todos os Direitos Reservados

Nova pagina 1