menu_topo

Fale com o professor Lista geral do site Página inicial Envie a um amigo Autor
Projete sua voz

Prof. Luiz Ferraz Netto
leobarretos@uol.com.br

Apresentação
A seguir, vamos apresentar duas montagens que permitirão converter o som de sua voz em padrões de luz laser. Pela simplicidade dos componentes, um projeto bastante indicado para as Feiras de Ciências escolares.

Material

Projeto 1 - 20 cm de tubo de PVC de 4" (10 cm); 1 bexiga de aniversário; 1 espelho plano fino de (1 x 1) cm; apontador laser; base de madeira e fita adesiva.

Projeto 2 - 1 bexiga de aniversário; 1 espelho plano fino de (1 x 1) cm; fita adesiva (dupla face) e apontador laser.

Montagem

No Projeto 1, (a) esticar um pouco um pedaço da borracha do balão sobre uma das extremidades do tubo de PVC e fixar a periferia com fita adesiva e (b) colar a face não refletora do espelho no centro da borracha que recobre a extremidade do tubo. A seguir, basta falar próximo à extremidade livre do tubo com o feixe laser incidindo no espelho e refletindo-se para a tela ou parede branca. O deslocamento do ponto luminoso na tela resulta da vibração da lâmina de borracha excitada pelo som da voz.

Além da reflexão regular da luz posta em jogo pelo espelho plano, este experimento destaca três outros conceitos:

1- o fato do som ser uma onda mecânica (vibração do ar) que se propaga pelo meio ambiente;
2- o fenômeno da ressonância e
3- as figuras de interferência.

Como dito acima, quando a pessoa grita dentro do tubo, a membrana vibra, fazendo o feixe laser ser refletido em direções distintas, formando um 'desenho' na parede (ou tela) onde é projetado.
Se a frequência do som se aproxima de alguma das frequências de vibração própria da membrana, esta vibra com amplitude maior, pelo fenômeno da ressonância. Isto é melhor observado se a fonte sonora (um alto falante, por exemplo) for acionada por um gerador de áudio acoplado a um amplificador
Se o tom emitido for mantido numa frequência fixa, originam-se desenhos mais regulares, alguns conhecidos como figuras de Lissajous ou, ainda, posições ventrais de placa vibrante.

Nota: Numa primeira montagem usei filme de PVC (material de cozinha) no lugar da borracha da bexiga. Também funciona!

No Projeto 2, (a) fixar a bexiga (já inflada) na mesa usando fita adesiva (ou dupla face) e (b) fixar o espelho sobre no balão numa posição conveniente para receber o feixe de luz laser e refletir para a tela. Qualquer som ambiente fará vibrar a bexiga e, consequentemente, a posição do ponto luminoso na tela.

Quanto mais afastada estiver a tela, maior amplitude terão os deslocamentos do feixe refletido.

Detalhes construtivos:


 

Bom sucesso!


Copyright © Luiz Ferraz Netto - 2000-2011 ® - Web Máster: Todos os Direitos Reservados

Nova pagina 1