menu_topo

Fale com o professor Lista geral do site Página inicial Envie a um amigo Autor

Martelo eletromagnético

Prof. Luiz Ferraz Netto
leobarretos@uol.com.br 

Apresentação
Esse modelo de martelo eletromagnético destaca claramente um dos modos como a eletricidade pode realizar um trabalho mecânico. Após sua montagem, você poderá evidenciar essa conversão de energia elétrica em energia mecânica, simplesmente ligando e desligando o circuito (mediante um interruptor tipo campainha) e, com isso, por exemplo, bater pregos.

Material 
Tubo de cobre, alumínio ou vidro, diâmetro interno de 6 mm e comprimento 12 cm (esse tubo deve ser de material não magnético e constituirá o núcleo de nosso eletroímã); 
3,5 m de fio de cobre esmaltado número 22 ou 20; 
um sarrafo de (9 x 5 x 2) cm; 
um sarrafo de (12 x 5 x 2) cm; 
uma base de madeira de (15 x 15 x 1,5) cm; 
um bloco de madeira bem macia (ou cortiça) de (5 x 5 x 5) cm; 
uma vareta de ferro de diâmetro externo 5 mm e comprimento cerca de 12 cm (serve também um prego grande número 60, obtido em lojas de ferragens); 
tachinhas; 
fonte de alimentação ajustável (0 -12 VCC, 2 A) (serve também 2 pilhas de telefone, em série).  

Montagem

Ao pressionar o botão do Interruptor (tipo campainha), estabelece-se o circuito elétrico e o campo magnético produzido pela bobina de cerca de 120 espiras (em 2 camadas sobre o tubo) atrairá o prego-martelo (ou vareta de ferro) para cima. Ao soltar o botão, interrompe-se o circuito e o prego-martelo desce (por ação da gravidade) batendo contra a tachinha espetada no pequeno bloco. Ajuste as dimensões do bloquinho de modo a obter a melhor "chupada” do prego-martelo para cima; há um valor ótimo do pedaço de prego que fica dentro da bobina. Verifique se o prego desliza 'folgado' dentro do núcleo da bobina.



Copyright © Luiz Ferraz Netto - 2000-2011 ® - Web Máster: Todos os Direitos Reservados

Nova pagina 1