menu_topo

Fale com o professor Lista geral do site Página inicial Envie a um amigo Autor

Sugestões Didáticas

Prof. Luiz Ferraz Netto
leobarretos@uol.com.br

Introdução
O ensino das Ciências implica uma estrutura pedagógica assentada em três pilares:

O pilar (1) consiste no reconhecimento do fenômeno como um fato incontestável.

O pilar (2) provê uma análise cuidadosa do fato, por vezes reproduzindo-o em laboratório, para que se possam controlar os parâmetros que nele interferem. Dessa análise que inclui hipóteses refutáveis e teses condizentes, enquadra-se o fenômeno, em geral, dentro de um modelo físico já existente. Esse fenômeno pode amoldar-se perfeitamente ao modelo físico já existente (situação em que a estrutura do modelo é reforçada, ganha méritos), pode também mostrar um ligeiro deslize naquele modelo (situação em que o modelo é reajustado, ganhando reforço) e pode, finalmente, mostrar profundas falácias no modelo vigente (situação em que o modelo pode ser abandonado, sendo substituído por outro). 
O assentamento adequado do fato em questão, traduzido por medidas, que nada mais são que atribuições de propriedades, consistirá na aquisição ou comprovação de mais um conceito científico. O aprendizado desse conceito, dentro do modelo físico vigente, com total absorção de suas conseqüências, é o grande passo vencido.

O pilar (3) é a documentação, agora pertencente à História da Ciência, os personagens envolvidos na evolução do modelo (em justo reconhecimento) e as aplicações desse novo fenômeno, finalmente domesticado, para a técnica, para a sociedade e enfim, para a humanidade.

A Feira de Ciência não pode divorciar-se da apresentação de temas didáticos, uma vez que ela própria é uma atividade de divulgação científica. Muitos temas podem ser abordados, no intuito de aprimorar a didática com que tais e quais assuntos são desenvolvidos em salas de aula e palestras.

Você pode, em seu 'box' de apresentações, introduzir notáveis melhorias no modo de apresentar, por exemplo, o conceito de inércia. Você pode fugir aos padrões tradicionais, se achar que a didática atual para a inclusão de tal conceito aos seus colegas, está deficiente, complicada, forçada.

Essa é sua contribuição da Feira, ajustar a didática para termos mais aceitáveis e melhorar o conceito da Aula. Converse com seu professor (após estar dominando tal e qual assunto, com muito esforço e dedicação), relatando suas dificuldades e aproveite para perguntar a opinião dele sobre a linha didática seguida, a programação etc. Em geral, você irá assustar-se com a resposta: "Não, não acho correta essa didática, nem essa programação. Trata-se, porém, de um programa oficial e devo segui-lo".
Entretanto, pense bem. Se cada professor adotasse sua didática, método e programação próprias, seria impossível uma técnica geral de avaliação de aprendizado para efeito de aprovações, concursos etc.

Se você destaca um determinado tema em sua Feira, apresentando tal e qual conceito com melhor desempenho, muitos colegas sairão beneficiados. Sua participação é digna de mérito.

Temas para essa Sala de Sugestões Didáticas são inúmeros. Porém, nunca perca de vista que aquilo que aqui apresento são apenas sugestões (como tenho destacado em várias oportunidades) e não temas completos e preparadinhos para apresentação. Você é quem deve desenvolvê-los. Seja criativo. Seja persistente. Seja inovador. Vencendo, seja gente!


 


Copyright © Luiz Ferraz Netto - 2000-2011 ® - Web Máster: Todos os Direitos Reservados

Nova pagina 1