menu_topo

Fale com o professor Lista geral do site Página inicial Envie a um amigo Autor

Com gosto de relatividade
(Exercício
)
 

Prof. Luiz Ferraz Netto
leobarretos@uol.com.br

Introdução
No ano de 1887, quando Einstein tinha apenas 8 anos, o físico norte-americano A. A. Michelson e seu assistente E. W. Morley fizeram uma experiência notável. O resultado negativo desse experimento (um dos poucos experimentos cujo resultado negativo tornou-o um sucesso!) foi abortado por Einstein para desenvolver sua teoria da relatividade.

O Texto-Exercício a seguir, com total sabor de relatividade, é uma pequena introdução a essa aventura do saber. Nela encontraremos o princípio básico dos experimentos de Michelson-Morley. 
Faremos dois experimentos em pensamento, ambos utilizando uma lancha: no primeiro a lancha se moverá ao longo de um rio; no segundo se moverá no sentido de atravessá-lo.

Experimento mental 1
Neste primeiro caso (lancha deslocando-se ao longo do rio), durante uma parte da viagem a lancha caminhará a favor da  correnteza, de modo que sua velocidade absoluta será V+v , onde V é a velocidade da lancha relativamente à água (velocidade relativa) e v é a velocidade da água do rio relativamente às margens (velocidade de arrastamento).

Na viagem de volta, a lancha caminhará contra a correnteza e desenvolverá a velocidade absoluta V - v. Repare que a velocidade relativa V, a menos do sentido, é a mesma tanto na ida como na volta.
Se L for a distância entre dois pontos de desembarque no rio, o tempo da viagem de ida e volta será:

 

Como 2L/V seria o tempo para a viagem de ida e volta na água em repouso (imagine que em lugar de um rio fosse um lago), vemos que a existência de escoamento fará sempre com que esse tempo seja mais longo.

É importante perceber este resultado! Note que na expressão que fornece o tempo total de ida e volta, o denominador

 

Copyright © Luiz Ferraz Netto - 2000-2011 ® - Web Máster: Todos os Direitos Reservados

Nova pagina 1