menu_topo

Fale com o professor Lista geral do site Página inicial Envie a um amigo Autor

Tirando água do poço
(usando a água da caixa d'água)

Contribuição de
Nilson Bonadeu
nilsonbonadeu@hotmail.com

A idéia, como diz o título, é aproveitar a água contida numa caixa d'água elevada para, usando a pressão atmosférica, elevar a água do fundo do poço.

A caixa d'água suspensa, hermeticamente fechada, está inicialmente cheia de água. Dessa caixa saem dois canos de PVC: um, de sua parte superior e entra no poço até alcançar a água, outro, de sua parte inferior e termina em uma torneira um pouco acima do nível do solo. Ilustremos isso:

A extremidade do cano que mergulha na água do poço tem uma válvula de retenção (deixa a água entrar no cano, mas não deixa sair por essa extremidade).

Funcionamento
Abrindo-se a torneira, a pressão atmosférica ao nível da água do poço desenvolve forças que permitem a subida da água até a caixa. Os canos e caixa permanecerão sempre cheios.

Agradecimento
Ao Nilson, por essa excelente contribuição ao mundo 'nebuloso' dos motos contínuos, meus agradecimentos. Obviamente ficarei aguardando quem contestará o 'magnífico' (!) funcionamento dessa maravilhosa máquina. Aguardo também mais contribuições.

Léo


Correspondências recebidas


mensagem 1
From: "mapavi" <mapavi@canbras.net <mailto:mapavi@canbras.net
To: <nilsonbonadeu@hotmail.com <mailto:nilsonbonadeu@hotmail.com
Sent: Saturday, September 07, 2002 1:14 PM
Subject: Não funciona......

Bom dia Nilson.....
Acho q a sua idéia não contemplou a física, pois o poço estando mais baixo q a torneira, o peso de coluna d'água do tubo da mesma terá força inferior à coluna do tubo ao poço.....Pense nisso.....
Um abraço
Marcos...


mensagem 2
From: Pedro Jose Matos de Mendonça <mailto:mendonca@tre-rr.gov.br
To: nilsonbonadeu@hotmail.com <mailto:nilsonbonadeu@hotmail.com
Sent: Sunday, August 25, 2002 5:29 PM
Subject: consulta

Boa Vista, 25 de agosto de 2002.

Caro amigo Nilson Bonadeu,

Gostaria de receber maiores informações referentes aos detalhes de funcionamento do experimento que consiste em retirar água do poço utilizando a pressão atmosférica. Detalhes como:

Diâmetro do tubo de subida;
Diâmetro do tubo de descida;
Volume da caixa d' água;
Altura da caixa d' água em relação ao nível do solo;
Profundidade do poço (distância entre o nível da superfície do solo e o nível da superfície da água do poço) e;
Diâmetro do poço.

Estou enviando este e-mail porque eu já tentei várias vezes por em funcionamento este sistema, em tamanhos reduzidos, através de um protótipo construído por mim, mas não consegui sucesso. Em todas as tentativas o que ocorreu foi o retorno da água para o recipiente inferior (que eu chamaria de poço). Apesar de não existir uma válvula na extremidade do tubo eu a substituía fechando e abrindo a extremidade do tubo com as mãos. Também, variei o diâmetro dos tubos de entrada e saída de água do reservatório superior (caixa d' água); variei a altura do mesmo em relação ao reservatório inferior (poço); variei a altura da saída de água(torneira) e só o que observei foi o seguinte: enquanto a saída de água (torneira) permanecer em um nível inferior ao nível de captação de água do reservatório inferior (poço) ocorrerá o fluxo de água no sistema, porém a medida que subimos o nível da torneira este fluxo tende a diminuir até que, ao chegar ao mesmo nível do poço o fluxo cessa. Portanto, o sistema entra em equilíbrio.

Dessa forma, o sistema não tem qualquer utilidade, Já que a intenção seria obter a elevação de água sem o consumo de energia.

O meu protótipo foi construído com os seguintes materiais:

Reservatório superior (Caixa d' água) = garrafão de vinho, de vidro, com capacidade aproximada de 4 litros;

Reservatório inferior (poço) = tanque de lavar roupas com capacidade aproximada de 20 litros;

Altura da torneira variada entre - 10 cm (negativos em relação ao nível do poço) e + 50 cm;

Altura do reservatório superior (caixa d' água) variada entre 10 cm e 80cm em relação ao nível de água do poço;

Diâmetro do reservatório inferior aproximado em 60 cm;

Diâmetro dos tubos de entrada e saída, aproximadamente, entre 2 mm e 6 mm. Variações feitas em diversas combinações de entrada e saída de água.

Espero ter detalhado a experiência que fiz em casa para que você possa entender e identificar onde eu poderia ter errado.

Fiz questão de enviar esse e-mail porque fiquei surpreso quando me deparei com esta matéria, pois já ouvi várias pessoas falando que este sistema funcionaria perfeitamente para irrigação em sítios mas nunca vi pessoalmente tal sistema em funcionando.

Caso você tenha maiores informações sobre o funcionamento desse sistema que possa me orientar eu gostaria muito de ter acesso a essas informações e ficaria grato com a atenção dispensada.

Sem mais para o momento,

Pedro José Matos de Mendonça


mensagem 3
From: Cid Ricardo <mailto:crbleal@brturbo.com
To: nilsonbonadeu@hotmail.com <mailto:nilsonbonadeu@hotmail.com
Sent: Wednesday, November 20, 2002 12:14 AM
Subject: Enviando email: 25_C01_01

Caro amigo.

Não sei se você já fez esta experiência, eu já fiz, não como experiência e sim como equipamento para ser usado em um sítio de um amigo, realmente funciona, porém nunca deve ser esquecido o limite de altura da coluna d'água que vai da superfície da água do poço até o ponto mais alto da caixa d'água limite este que não deve ultrapassar de 9,8 m (coisas da nossa gravidade).

Só lembrete,...um abraço.
Cid Ricardo


mensagem 4
From: "renipeixoto" <renipeixoto@bol.com.br <mailto:renipeixoto@bol.com.br
To: <nilsonbonadeu@hotmail.com <mailto:nilsonbonadeu@hotmail.com
Sent: Monday, November 11, 2002 10:22 PM
Subject: moto-continuo


Prezado Nilson, olá.

Vi um esquema de um moto contínuo (tirando água do poço),
que você enviou para o site www.feiradeciencias.com.br <http://www.feiradeciencias.com.br e achei fabuloso, mas não consegui montar um, poderia me dar algumas dicas (por exemplo: quantas vezes mais devera
haver água na caixa em relação a tubulação); me diga você já conseguiu na pratica construir um?

Fiz o seguinte:
2m cano 20mm - para subir a água
0,60 cm cano 100mm - simulando a caixa d`água

não usei a válvula de retenção também porque queria que funcionasse ininterruptamente, mas não deu certo.
já li em livro sobre essas engenhocas (por sinal gosto muito destas invenções), que nada trabalha "de graça" e
será que isso é verdade ?

Aguardo resposta, desde já grato.

Rení


mensagem 5
From: Juninho - diRoma <mailto:wilsonjr@diroma.com.br
To: nilsonbonadeu@hotmail.com <mailto:nilsonbonadeu@hotmail.com
Sent: Sunday, November 24, 2002 6:51 PM
Subject: motores continuos....

Ola Nilson, meu nome é Wilson Júnior, e gostaria de discutir com você alguns pontos sobre o projeto do motor movido por água.
Fiz um projeto muito parecido com o seu, mas o meu não funcionou, a força da atmosfera sobre a água não foi o bastante para sugar a água.
O seu funcionou?

Obrigado, e fico aguardando sua resposta.

Obs.: Fiquei sabendo que existe o velho no nordeste que sabe fazer uma bomba d'água dessas, irei conhece-lo em julho de 2003, para saber como se faz isto.
Abraços.

Júnior.


mensagem 6
De: leonel <mailto:leonelgalli@ig.com.br>
Para: leobarretos@uol.com.br <mailto:leobarretos@uol.com.br>
Enviada em: quinta-feira, 12 de setembro de 2002 18:57
Assunto: FEIRA DE CIENCIAS - Perpetuum Mobile - comentário

PREZADO PROF. LEO
MEU NOME: LEONEL GALLIGNANI
ESCOLARIDADE: MÉDICO APOSENTADO

Primeiramente, espero que o prof. Léo aceite meus cumprimentos elogiosos, por tudo que já feito pela instrução de nosso jovens.

Quanto ao assunto PERPETUUM MOBILE apresentado, faço a seguinte observação:

" O esquema proposto nada mais é do que um sifão. NÃO FUNCIONARÁ pois, para tanto, o braço de escoamento (caixa à torneira) deveria ser mais longo (maior desnível) do que o braço de sucção (poço à caixa). Em outras palavras, o peso da coluna d'água em escoamento deveria ser maior do que o peso da coluna d'água em ascensão".

Da forma em que é apresentado o modelo, ao se abrir a torneira...nem uma gota !

E se não houvesse a válvula de retenção, ao se abrir a torneira...toda a água da caixa iria para o poço!!!


mensagem 7

From: "PRB50" <prb50@bol.com.br>
To: <nilsonbonadeu@hotmail.com>
CC: <crbleal@brturbo.com>
Subject: Fw: Moto continuo
Date: Fri, 3 Jan 2003 20:59:57 -0200

Nilson, consultei o Sr. Administrador no sítio "http://www.fisica.ufc.br"
o qual respondeu que o sistema apresentado por vc não funciona. Teria vc
algum argumento a favor do sistema ou prova física?

aguardo resposta
Paulo Barroso

[Resposta da mensagem enviado ao Sr. Admin. no sítio "http://www.fisica.ufc.br" (citada acima):

Olá:
Essa máquina não funcionaria. Ao abrir a torneira não sairia nada.
Lembre, por exemplo, que para tirar óleo de uma lata fazemos dois furos. O caso dessa torneira equivale a uma lata só com um furo. Infelizmente (ou felizmente, talvez) nenhum moto contínuo funciona.

Um abraço:
Administrador  http://www.fisica.ufc.br ]

[Resposta dada por Nilson Bonadeu ao Sr. Paulo:

From: "Nilson Bonadeu" <nilsonbonadeu@hotmail.com>
To: prb50@bol.com.br
Subject: Re: Fw: Moto continuo
Date: Mon, 06 Jan 2003 07:54:24 -0200

Caro Paulo,

Concordo com o Administrador do sítio "http://www.fisica.ufc.br". O sistema não funciona.
O prof. Leo, responsável pelo sítio www.feiradeciencias.com.br, criou esta sala, dos motos contínuos, para mostrar as tentativas românticas que a humanidade têm na busca de um moto contínuo.
Este que mostrei e dezenas de outros são exemplos de tentativas de construções de motos contínuos contra as leis da física, e que por isto mesmo não funcionam.
A intenção do Leo é mostrar o esquema das tentativas e desafiar os internautas a mostrar o porquê do não funcionamento. (No site já tem um email comentando a "falha" neste esquema)

Abraço
Nilson Bonadeu


Copyright © Luiz Ferraz Netto - 2000-2011 ® - Web Máster: Todos os Direitos Reservados

Nova pagina 1